7 sinais de alerta para você, cuidador!

Facebooktwittergoogle_plus

O ato de cuidar de alguém, por mais amor que se tenha por essa pessoa, cansa, desgasta, frustra.

Imagine um cuidador e/ou familiar que fica 24hs por dia com seu familiar que tem um transtorno mental, como a esquizofrenia e não tem apoio nenhum? Sofrido não é mesmo?

E com certeza todo esse envolvimento, as preocupações, as ansiedades, dores, vao sair por algum lugar! E podem prejudicar a sua saúde cuidador!

Vamos conhecer alguns sinais de alerta para os cuidadores?!

Sinais de alerta!!

Sinais de alerta!!

  1. Cansaço. Estar cansada/o demais, não ter ânimo, não ter forças para desempenhar até mesmo suas tarefas diárias, o que fazia sem problemas;
  2. Irritabilidade. Estar com humor irritadiço constantemente, não tolerar nada, olhar tudo pelo lado negativo é outro sinal de que você precisa de ajuda;
  3. Isolamento. Isolar-se de todos, sejam familiares, amigos. A pessoa começa a se afastar, recusar convites para sair, não quer receber visitas, evita todo contato com outras pessoas. Nem atividades que antes lhe davam prazer quer fazer mais. ATENÇÃO!!
  4. Raiva. Ficar irritada/o por qualquer motivo, não aceitar opiniões de outras pessoas, se irritar facilmente. Sentir raiva por não se sentir compreendido. Sinal vermelho!!
  5. Ansiedade. Preocupar-se demasiadamente com o amanhã, com o futuro. Não consegue relaxar e pensar no presente, sempre vendo tudo a sua frente como prejudicial;
  6. Insônias. Dormir pouco ou quase nada. O fato de perder o sono toda noite preocupa, é preciso dormir horas suficientes para descansar, para estar e se manter bem;
  7. Depressão. É um dos sintomas mais vistos e mais pesados para os cuidadores. Compromete seu bem estar, a saúde mental e física. É importante estar atento e buscar ajuda. Depressão é sério!

Busque seu tempo!!

Como eu sempre digo, ninguém é de ferro!! Não quer dizer não amar a pessoa, entretanto o cansaço e a sobrecarga irão aparecer se você, cuidador, não tiver cuidado consigo mesmo. Acabará ficando doente, depressivo ou outro sintoma que demonstre que seu corpo, seu psicológico, está precisando de descanso e ajuda também!

Recebo familiares esgotados, pois na maioria das vezes é apenas uma pessoa a responsável por todos cuidados de seu familiar, que expressam no rosto o cansaço, o desânimo, a dor de não saber mais o que fazer.

Por isso sempre saliento que é fundamental que os cuidadores tenham um tempo para si, que encontrem atividades que lhes dê prazer, saiam sempre que possível, ao menos para um café!

É preciso se valorizar e olhar para si, para suas necessidades. E não é egoísmo não viu gente!! É cuidado, é saúde! É amor próprio! E por fim, é pensar também no seu familiar que tem o transtorno, pois se você cuidador, que é o espelho de seu familiar, não está bem, como ele/a vai estar?

Concluindo esse artigo quero pedir a você, cuidador/familiar que busque seu tempo! Permita-se descansar, relaxar, cuidar-se! Tenha seus momentos sozinho/a ou com amigos/familiares. Recarregue suas energias e suas forças para que possa continuar sua caminhada!!

Cuidar de si!!

Cuidar de si!!

Beijos e até logo!

Daniela

Comentários

Comentários