A Esquizofrenia na vida de João

Facebooktwittergoogle_plus

Nas próximas 3 semanas vocês vão conhecer a história de João*, um garoto de 14 anos, que durante sua adolescência descobre um mundo novo, com muitas mudanças e frustrações: a esquizofrenia.

Vou contar para vocês como foi o início do transtorno para João e sua família.

Como foram as mudanças de comportamento dele? Os sintomas? A escola?

Mudanças

João e sua família conheceram a esquizofrenia ainda na adolescência.

Antes era um garoto alegre, tinha muitos amigos, ia para escola e tinha ótimas notas, aluno exemplar. Se dava bem como todos, em casa, parentes, conhecidos ou não.

De repente João começou a mudar: não queria mais ir para escola, se afastou dos amigos, só queria ficar trancado no seu quarto, já não se sentia bem junto com sua família, mas não sabia explicar o motivo dessas mudanças, ele apenas agia dessa forma e não conseguir tomar outras atitudes.

Sua família demorou para perceber que João não estava bem, achavam que era da adolescência e logo iria passar.

Os amigos não entendiam o que havia acontecido para o João ter mudado tanto e aos poucos iam se afastando.

Os professores perceberam que o rendimento escolar de João estava decaindo mais a cada dia e por isso resolveram chamar os pais à escola.

A Família

Pedro e Maria*, pais de João, ficaram muito bravos por serem chamados na escola, pois acreditavam que o filho tinha tudo, só precisava estudar e não estava nem fazendo isso!

A orientadora tentou explicar aos pais que João não estava bem e que percebiam muitas mudanças nele, e que ele estava precisando de apoio, ajuda de um profissional para ver o que estava acontecendo. Orientou que buscassem um Psicólogo para João.

Nossa!! A casa caiu para o seu Pedro! Afinal, seu filho não era louco, jamais iria a um psicólogo! Maria, tentava acalmar o esposo e contornar a situação.

A orientadora tentou novamente explicar o porquê de seu pedido, esclarecendo que psicólogo não é somente para loucos e os benefícios que esses atendimentos teriam para João.

Mesmo assim, seu Pedro foi muito resistente e disse que resolveria ele mesmo do seu jeito as coisas!

Em casa, furioso, Pedro briga com João, reclama do comportamento do filho, impõe castigos (o que para João não faz muita diferença…). Maria só chora. Joao enfrenta o pai gritando e vai para seu quarto, batendo a porta com muita forca e raiva e se fechando mais ainda….

O clima da família está cada dia mais pesado!

Ninguém se entende! Os irmãos criticam João, o pai só briga, a mãe só chora e João se isola cada dia mais….

Qual serão os próximos acontecimentos da vida de João? Como será que a família vai reagir, já que João piora a cada dia?

 

Acompanhe a história e veja o que mais acontecerá com João e sua família.

 

*Os nomes utilizados são fictícios.

Beijos e até logo!

Daniela

 

 

Comentários

Comentários