Sobrecarga em cuidadores é sinal de alerta vermelho!!

Facebooktwittergoogle_plus

Cuidadores de pessoas que tem esquizofrenia geralmente são como uma fortaleza!!

Estão alertas 100% do tempo, correm de um lado para outro com seu familiar, ficam atentos aos cuidados, médicos, remédios, além de todas rotinas de casa e algumas vezes trabalham fora!!

Precisam estar bem, fortes e sempre dispostos, sorrindo (só que não né gente!!)!

Porém, como eu disse no início, a maioria dos cuidadores acaba criando uma “camada protetora”, que os protege das “surras” que levam da vida, o que os faz parecer sempre fortes, sem medos, sem inseguranças, com emoções controladas!!

Puro engano, pessoal!! Cuidador também é ser humano, também tem coração! Tem dores, sentimentos, momentos bons e ruins, também cansa (e como!!)!

Por ter essa aparência forte e inabalável, muitas vezes as pessoas ao redor dos cuidadores acham que eles não tem problemas, que dão conta de tudo, que estão sempre felizes e dispostos para tudo!

Geralmente esses cuidadores estão sobrecarregados demais e nem percebem! Talvez seja um meio de fugir dos problemas, de “ocupar” a cabeça, pensar em outras coisas.

Atenção!!

Entretanto, tudo tem uma reação, a qual pode virar um estresse, uma depressão, um sintoma ou doença, físico ou psicológico.

Por isso é fundamental que os cuidadores permitam-se olhar para si mesmos também, que aprendam a dizer NÃO! Que reconheçam seus limites, até onde podem e não podem ir.

Conviver 24 horas por dia com transtorno mental, como a esquizofrenia, por exemplo, não é fácil e desgasta muito, tanto física, quanto psicologicamente.

Existem muitos aspectos envolvidos: atenção, equilíbrio, paciência, amor, pena, crenças, fé, comportamentos, personalidade, etc.

Sendo assim, não são somente os aspectos relacionados ao paciente, tem também a individualidade do cuidador, as necessidades de cada um.

Agora se formos somar tudo que eu falei aqui, pergunto: é possível sobrecarregar ou não qualquer pessoa?  É preciso que os cuidadores cuidem de si, tenham amor próprio ou não para que evitem adoecer?

Evidente que é preciso estar atento ao cuidado consigo mesmo!!

Como diminuir a sobrecarga??

* Cuidando da sua saúde mental e física, como indo regularmente ao médico;

* Alimentando-se adequadamente;

* Aprendendo a dizer NÃO;

* Respeitando os seus próprios limites;

* Tendo momentos de lazer, amigos, sair, se distrair, se permitir SER FELIZ!

* Admitindo quando estiver cansado, precisar de ajuda e quiser descansar!

* Tendo amor próprio, cuidando de si e sua autoestima como, ir ao salão de beleza, sair para passear, ler, namorar.

Para que os cuidadores consigam continuar seu caminho ao lado de seus familiares precisam estar bem, precisam estar bem por dentro e por fora!!

Beijos e até logo!

Daniela

Cuidando do cuidador!!

Cuidando do cuidador!!

 

Comentários

Comentários